sexta-feira, junho 06, 2008

ASSUSTANDO BEBÊS

Que Xuxa seja idolatrada pelas crianças é um lance que a gente agüenta. Mas você consegue imaginar Chico Buarque como ídolo da petizada? Sei lá, deve ficar um horror de saiote rodado. Não tenho nada contra Chico Buarque, com exceção, talvez, do fato dele ter comido a Marieta Severo. Mas lançar o cd “MPBaby – Chico Buarque”, com versões infantis das músicas do “ser divino” é de foder.

Felizmente as versões não têm letras. Acho que algumas crianças teriam depressão precoce ao ouvir “Construção” (sim, é bonita, mas, cazzo, convenhamos...) . E trechos como “Joga pedra na Geni/ Ela é feita pra apanhar /Ela é boa de cuspir” não pegariam bem em uma época em que cantar “Atirei o pau no gato” é crime.

"Olá, crianças. Essa é uma música que titio Chico criou naqueles duros tempos da repressão, lembram? Levantem os chocalhos e cantem comigo!"

E porque fazer versões infantis de músicas da MPB se te gente que já canta como criança? O Carlinhos Brown, por exemplo, escreve muito bem letras em “gugudadês”. Senão, vejamos:

Bog la bag la bog la bag la bog la bag labor/ Blá blá Aô aô aô aô aô blá blá”
(letra de “Bog la Bag” - duvida? Então leia aqui)

João Gilberto é outro que curte fazer música para crianças. Adora barquinho, patinho, quém-quém, essas coisas. E Caetano já enveredou por essas praias, falando de bichinhos. “Leãozinho” cairia bem. Basta torcer para a criançada fazer pouco caso da boiolice da letra. Podem achar que é um elogio à zoofilia, vai saber?

Daqui a pouco vai ter gente querendo fazer a mesma coisa no cinema. Versões infantis de filmes do Walter Hugo Cury, já imaginou? Pelo menos teria a Xuxa pelada de novo...

Marcadores:

8 Comments:

Blogger Claudio said...

Hahaha! eu tenho esse CD do Brown!
Agora é bom lembrar que Toquinho e Vinícius já fizeram esse lance de música infantil há algum tempo e, putz, eu gostaaaava...
Ok, parei no Plunct Plact Zum.

sexta-feira, junho 06, 2008  
Blogger Ollie McGee said...

Do Buarque, a música 'a História de uma gata' até que é bonitinha e bem estilo p/a criança. No mais, eu acho que ele está caducando. ☺

sexta-feira, junho 06, 2008  
Blogger Patrícia said...

AAaaiii, titio Walter... Nem bem tu volta a blogar e já dá essas notícias que dão medo na gente?... Credo, já pensou um mundo de crianças fãs de MPB?? Freaky! A propósito, o comentário do cláudio me parece muito comprometedor!

sábado, junho 07, 2008  
Anonymous Clóvis said...

Já imaginou Caê para bebês? Brrrrrr.

domingo, junho 08, 2008  
Anonymous Anônimo said...

CARISSIMO WALTER, SUA MAE DEU O NOME CERTO PRA VOCE . WALTER.. VOCE E O VERDADEIRO WALTER..NAO EXISTE NOME MAIS APROPIADO. VOCE E A PROPIA FOTOGRAFIA DA MORTE. SAIBA DISSO

quarta-feira, junho 11, 2008  
Blogger Walter Carrilho said...

Anônimo: o problema é há uma leve possibilidade de, de repente, quem sabe, talvez, tipo asim, o meu nome verdadeiro não ser Walter...

quarta-feira, junho 11, 2008  
Blogger Tatiana (Maria) Dourado said...

Olá,
Cliquei no seu blog, até pq o título é bem atrente. E tbm resolvi comentar. Não tenho realmente pré-disposição natural para o público infantil, apesar de ter certeza de toda a magia que o envolve. Há tempos a pureza infantil foi deixada de lado, e hoje é totalmente erotizada. Portanto, acho mais válido o mestre Chico Buarque, que já tem experiência com Os Saltimbancos, do que as vê descendo na boquinha da garrafa desde pequenas. Talvez elas realmente precisem de novos estímulos...

quinta-feira, junho 12, 2008  
Blogger Walter Carrilho said...

Tatiana: pois é. Entre MPB para crianças e boquinha na garrafa, acho que prefiro, sei lá, que a meninada ouça "nana nenê, que a cuca vem pegar". Sem intelectualizar e nem erotizar, só divertir. Era o que eu ouvia quando criança. Tirando a minha boçalidade e um fraco por chocolates, cresci (mais ou menos) normal. abs

quinta-feira, junho 12, 2008  

Postar um comentário

Link permanente para este post:

Criar um link

<< Home