sexta-feira, abril 11, 2008

É PIOR DO QUE DENGUE

A idéia de fechar as fronteiras do Rio de Janeiro para evitar a propagação da dengue é uma boa. Podiam estender a medida e evitar a propagação do funk e do Miguel Falabella. É chato, mas às vezes o jeito é ser radical. Se tivessem fechado as fronteiras da Bahia quando surgiram os primeiros sinais de Daniela Mercury, o axé não teria se propagado pelo país.

Uma reportagem recente da Folha de São Paulo revelou que das 10 músicas mais tocadas em shows do ano passado, 9 eram axé. Isso sim é epidemia. Dengue é pinto perto do axé. A vítima fica desavergonhadamente mexendo gostoso, balançando a bundinha” em locais públicos. O resultado vocês já sabem qual é.

O mosquito transmissor do Axé, Carla Perez, pode ser identificado pelo excesso de silicone na bunda e pelas doses de tintura no cabelo.

Axé faz as pessoas perderem a noção. O garoto bombado que luta jiu-jitsu e tatua “sou do mal” na nuca, perde as estribeiras ao som de algo como “E sobe, desce, bole mãe, desce, ela sobe, desce, ela bole, mexe”*. Depois disso acaba espancando empregadas para recuperar a masculinidade. Compreensível.

O governo poderia fazer campanhas de prevenção. Ao invés de tombar pneus e fechar poços, basta deportar o Araketu e enterrar o Carlinhos Brown. A Ivete Sangalo a gente isola em um programa da Xuxa (o que é pior do que deportação).

De resto, Axé, para mim, é música de adestramento de cachorro: Abana o rabinho, levanta a patinha”, manja?

* A “poesia” é da Cláudia Leitte. Sim, eu também acho lindo!

Marcadores:

15 Comments:

Anonymous Anônimo said...

Não entendi. Fechar as fronteiras pra evitar a propagação da dengue?? Porque, sim, você pode impedir as pessoas de passarem, mas não os mosquitos….ou será que os gênios do governo vão pedir pra ver o passaporte dos mosquitos? Fazer uma identificação com foto e impressão digital dos Aedes?

E mesmo que fizessem tudo isso, ainda seriam capazes de deixar o “coitadinho do mosquitinho” passar pela fronteira se ele disser que é um “cumpanheiro” ou que é simpatizante das FARCs…

Depois ainda tem gente que diz que “não precisa estudar pra chegar onde eu cheguei”. Precisar pelo jeito não precisa, mas isso no mínimo evitaria situacçõs embaraçosas, e diminuiria o nível de babaquice no mundo.

Eu, hein?

sexta-feira, abril 11, 2008  
Blogger David said...

Que tal aquela ideia do navio em alto mar? Levar as bandas para lá, em cruzeiro eterno...

O pior é que esses porras nem perdem a voz 'cantando'.

Um abraço ai.

sexta-feira, abril 11, 2008  
Blogger Ivo Neuman said...

Cara, você é um puto de um egoísta que fica alfinetando piadinhas grosseiras sobre coisas superficiais.

Onde já se viu estar preocupado com o surto de axé music?!

Porra, você já imaginou o que poderia vir a substituir as onomatopéias baianas para levantar legiões atrás do trio elétrico?

Ou melhor: você já ouviu falar em Calypso?

sexta-feira, abril 11, 2008  
Blogger Daniel F. Silva said...

Seja bem-vindo de volta à vida, Carrilho!!!

sábado, abril 12, 2008  
Anonymous Flavinha said...

Vamos lembrar as variações da doença: Sertanejo, pagode, tudo isso tb é perigoso.

sábado, abril 12, 2008  
Anonymous Cris said...

Finalmente, tio Walter!N�o, tio n�o..lembra o da Sukita, um asco.
Entre uma labuta ( sim, labuta) e outra pra comprar o Jaguar ( t� ficando velho??) , estenda a m�o para teus links e aniquile o Doutroladodomar - morreu de velhice - e substitua ( pretens�o minha ) pelo Cris - simples assim .
http://novoblogdacris.blogspot.com
( n�o achei coisa mais interessante ainda pra fazer).
Bom fim de semamana.

sábado, abril 12, 2008  
Blogger Ricardo Rayol said...

apoiadíssimo e deveria ser uma das primeiras medias provisórias definitivas do seu governo em 2011

domingo, abril 13, 2008  
Blogger Atualidades by Mairo said...

Mais uma idea excelente dos governantes, junte au vetor axé>>> pagode, sertanejo, calypso.
coloque o link do meu blog na sua seção Blogs amigos (fui linkado aqui!) fazerei o mesmo com o link do seu blog

domingo, abril 13, 2008  
Blogger Atualidades by Mairo said...

apoiado, o mosquito transmissor do Axé também causa outras doenças como pagode, funk, calypso, temos que exterminar esse vetor, kkkkkk.

Junte o link do meu blog aos seus "Blogs amigos (fui linkado aqui!)" que colocarei seu link no meu blog, obrigado.

domingo, abril 13, 2008  
Blogger Blog do Beagle said...

Waltinho, tire os cães de suas considerações, por favor. Eles merecem o melhor! Elza

domingo, abril 13, 2008  
Anonymous Luciana RJ said...

A idéia do cruzeiro eterno é muito boa. Axé, funk, pagode, calypso, sertanejo e aedes aegypti JUNTOS, aos sete mares e avante!!!

Para sempre....

terça-feira, abril 22, 2008  
Anonymous Vera said...

Hahahah falando sério quem foi o boçal que ressuscitou esse maldito mosquito? O bicho veio em 1800 e qualquer coisa, em meados de 1950 ele morreu e quando o Lula entrou para cumprir seu primeiro mandato o mosquito ressuscitou... Arre água, digo arre égua!

sexta-feira, abril 25, 2008  
Blogger Ioshiko said...

Para ajudar no combate à dengue,plantem citronela(a essência de citronela-cymbopogom nardus, mata larvas e pupas em 3 horas, 1 colher (sopa) para 1 litro de água,( peço que façam a experiência!),manjericão,tagetes patula,usem seus derivados(desinfetantes,essências,óleos,velas,sabonetes),criem muitos predadores do aedes:aranhas mosquiteiras,lagartixas de parede,libélulas,pássaros insetívoros,peixes guppy nos reservatórios de água,sapos,além de telar caixas dágua,eliminar possíveis criadouros, usem bacillus thuringiensis,armadilhas Adultrap prende a mosquita adulta(serão 450 ovos que deixam de criar!).Não usem veneno químico, o aedes já adquiriu resistência, mas, mata seus predadores, e assim a dengue prolifera livremente.Basta analisar:onde mais se investiu com inseticidas(Pan 2007) é onde mais aumentou casos de dengue. Os predadores são consumidores vorazes do aedes, tanto na água como em terra, muito mais eficientes que qualquer medida artificial. Pesquisem para comprovar! Perfume também espanta o mosquito.Passem nas partes descobertas. Colocar uma caneca de plástico com ½ de água e 2 gotas de essência de citronela, deixe perto da cama.O cheiro permanece até o dia seguinte e o mosquito não se aproxima.
nobukunister@gmail.com

"O uso sem critério do fumacê causa impactos ao meio ambiente, provocando mortes de insetos polinizadores, tais como, abelhas, vespas e borboletas, além dos predadores naturais que exercem a função de controladores das populações de vetores", afirmou.

quarta-feira, agosto 27, 2008  
Anonymous Anônimo said...

TENHO PENA DE PESSOAS MAL AMADAS, INFELIZES COMO VC.
QUE DEUS TENHA MISERICORDIA DE SUA VIDA.
COITADO.

quarta-feira, junho 24, 2009  
Blogger Walter Carrilho said...

Anônimo - huuumm, vamos ver quem é mais "coitado": quem escreve zoando música medíocre por diversão ou alguém que fica putinho(a) e deixa comentários anônimos defendendo música medíocre? Peça misericórdia para a sua alma também, que tal?

quinta-feira, junho 25, 2009  

Postar um comentário

Link permanente para este post:

Criar um link

<< Home