sexta-feira, setembro 01, 2006

CONFISSÕES DE UM CANDIDATO À PRESIDÊNCIA

A minha campanha para presidente está saindo do forno (falta farinha e, bem, você sabe, uns 30 milhões de reais...). E para não correr o risco de ser acusado por alguma coisa que fiz no passado, faço da minha vida um livro aberto. Não tem muita coisa escrita, mas as figurinhas são bem legais. Primeiro gostaria de confessar alguns pecados que eu cometi. Quero me redimir e ficar limpo antes de ser presidente. Afinal, política é uma sujeira só e a minha faxineira odeia trabalho dobrado.

Namoro – Durante 3 anos eu fui namorado da Luciana Vendramini. Mas ela nunca soube de nada.

Poesia - Fui poeta por exatamente 3 dias. Enchi um caderninho de poemas de estilo neo-concreto, rimando “papel” com “Chanel”. Acho que o Arnaldo Antunes roubou e publicou como se fosse dele. É, aquela porcaria toda talvez seja culpa minha.

Drogas - Fui viciado nos seguintes entorpecentes ao longo da minha juventude: fase 3 do joguinho “Enduro” (Atari), pirulito com Diplink e cigarro de chocolate da Garoto (mas juro que eu não traguei).

Música – Já gostei de uma música do Caetano Veloso. Mas parei de ouvir antes de virar viado.

Filhos – Tive muitas amantes, mas garanto que não tive filho nenhum com elas. Não adianta procurar. Não, minha senhora: a Sandy não é a minha filha. Mas amante ela já foi (Ei, Sandy, porque parou de escrever? Esqueceu aquela nossa noite em Itanhaém, poxa?)

Violência – Nunca maltratei seres humanos. Mas eu já espanquei um videomaker. Não sei se a categoria “seres humanos” é tão abrangente assim... Na dúvida, peço desculpas.

Carreira – Uma vez eu quis formar uma banda de rock. Felizmente desenvolvi um cérebro e desisti da idéia. Meus parceiros continuaram e montaram o Jota Quest (percebam que o fenômeno do surgimento de um cérebro é um privilégio de poucos.). O meu cérebro eu vendi para um apresentador da Globo. Mas parece que ele não usa.

Caso você, leitor, saiba de mais algum podre da minha vida, me diga o seu preço e o tamanho da sua cueca. A gente resolve numa boa.

16 Comments:

Blogger Leandro said...

Ah, bom!
Achei muito bom você abrir seus velhos podres agora, porque depois vai faltar livro pra colocar os novos.
Eu era viciado nas moedas de chocolate douradas e na Tássia Camargo.
Sorte sua ter (ao menos no passado) algum cérebro. Acho que eu nunca cheguei a ter um completamente formado (parece que um dia ele caiu quando acabei fazendo força demais...)

sexta-feira, setembro 01, 2006  
Blogger Walter Carrilho said...

Tássia Camargo...lembro-me da Playboy dela como se fosse hoje. Foi naquela época em que mostrar pelos pubianos na revista era novidade. Ah, Tassia Camargo...

sexta-feira, setembro 01, 2006  
Anonymous Preta Gil said...

Eu não aguento! Vou falar!
O Carrilho anda se correspondendo comigo por e-mail.
Fala mal de mim em público mas me ama em segredo.
Sou pra você o que Marilyn Monroe foi para Kennedy?

sexta-feira, setembro 01, 2006  
Blogger Walter Carrilho said...

Desculpe, Preta. mas o meu coração é da Glória Menezes...Vc é, tipo assim, um fetiche.

sexta-feira, setembro 01, 2006  
Blogger Serjão said...

Mas que moral, hein!! Recebendo mensagens da sua musa. O amor é lindo,
mas não quero saber de seus defeitos. Isso os políticos os têm muito piores. Quero saber de sua plaraforma. Há chance de emprgos para os amigos? Qualquer embaixada em Paris ou Roma me deixaria satisfeito. Vou trabalhar por sua candidatura. E pela minha boquinha, claro

sexta-feira, setembro 01, 2006  
Anonymous Marcelo da Costa said...

"Já gostei de uma música do Caetano Veloso. Mas parei de ouvir antes de virar viado"

Você virou viado? ahahahahahha

Brincadeira,otimo post Walter!

sexta-feira, setembro 01, 2006  
Anonymous Vera said...

Ahahahahahah Walter! Você é meu candidato docinho preferido! Quanto ao meus posts, depois de uma CERTA IDADE, a gente fica SEM-VERGONHA... Eu estou ficando! rsrs ;-) Beijão docinho!

sexta-feira, setembro 01, 2006  
Anonymous Elza do Blog do Beagle said...

Muito bom, já que é candidato e alguém já solicitou a plataforma, só falta dizer o partido. Vc corre o risco de ter uma eleitora kkkkkk Bjkª. Elza

sexta-feira, setembro 01, 2006  
Anonymous abominnavel said...

Um, dois, três... Quatro, cinco, mil! O Walter vai mandar os corruptos para a... a cadeia!

Como assim você também foi amante da Sandy? Ela enganou um de nós dois, então!

sexta-feira, setembro 01, 2006  
Anonymous Ordisi said...

Que pena. Li na minha bola de cristal que você não vai ganhar as eleições (apesar do brilhante currico vitae). Saiba que minha bola de cristal, pirateada do paraguay, está sendo usada todo o tempo pelo pessoal das pesquisas de opinião pública.

:)

Abraço.

sexta-feira, setembro 01, 2006  
Blogger Kafé Roceiro said...

Achei massa esse perfil. Grandes experiências...

sábado, setembro 02, 2006  
Blogger Júnio said...

Isso é que é ter um seríssimo desvio de caráter personalizado, pode?!
Esse político tem como profissão a política e acha que todos estão no balcão de comércios que nem ele.
É uma pena, mas é verdade.
Abraços.

sábado, setembro 02, 2006  
Blogger Ricardo Rayol said...

Walter, como bloguiero engajado e venal apoio totalmente sua candiatura a presidência. Já tem slogan? Que tal Walter carrilho é do carralho? Faz um banner que coloco no meu blog eheheheh. Só tome cuidado com o número que vai escolher.

domingo, setembro 03, 2006  
Blogger Ricardo Rayol said...

Walter não resisti e postei o slogan no meu blog ahahahahahaha

domingo, setembro 03, 2006  
Anonymous Fernando said...

Bom, já q nesta eleiçao o jeito é votar em qualquer merda...vc tem meu voto.

Pq na boa, votar no Frank Aguiar nao dá...jah viu a propaganda dele?

AAAAAAAuuuu!
BLERGTH!

Abraçao walter ^^

domingo, setembro 03, 2006  
Anonymous urgente said...

O PT acaba de elaborar um documento em que pede uma "mudança nas leis para assegurar mais equilíbrio na cobertura da mídia eletrônica". Muita gente está alarmada com o documento. O temor é que, num segundo mandato, os lulistas atropelem as leis para tentar aumentar seu controle sobre a imprensa. O fato é que isso já aconteceu pelo menos uma vez neste mandato, quando a turma de Luiz Gushiken tomou de assalto o iG. O documento do PT fala em oferecer "incentivos econômicos para jornais e revistas independentes". Independente, para o PT, é José Dirceu. É Franklin Martins. É Paulo Henrique Amorim. É Mino Carta.Só falta o Luis Nassif. Essa é a turma que, segundo o PT, precisa de incentivos econômicos do Estado. Carta Capital sempre atacou Daniel Dantas. Acaba de ser recompensada por um acordo com o iG. De quanto? Eu quero saber.

http://foralula.lpchat.com/content/view/113/2/

segunda-feira, setembro 04, 2006  

Postar um comentário

Link permanente para este post:

Criar um link

<< Home