segunda-feira, agosto 17, 2009

500 PESSOAS GRITANDO. CADÊ O RESTO?

Papo reto: sábado foi dia de manifestações contra o Sarney. Em São Paulo a passeata juntou, se tanto, umas 500 pessoas. Eu estive lá. Sinceridade? 500 pessoas é uma miséria. É louvável o empenho dos organizadores, que se articularam via twitter (ta-ram! Enfim uma utilidade!) e blogs, sem apoio direto de praticamente nenhuma instituição oficial. O que é de chorar é a falta de resposta desse povo bundão. O coronel merecia no mínimo umas 10 mil pessoas xingando em plena avenida Paulista.

Se a gente não consegue tirar um velho bigodudo da sua cadeira, o que nos resta fazer? Vestir a camisola e pedir aposentadoria do cargo de “povo”. Claro, vale lembrar a absoluta ausência de sindicatos e organizações estudantis, que estão por demais de rabo preso para chiar contra um coronel com bons amigos. Se a passeata envolvesse alguma manifestação contra o exército americano teríamos milhares de pessoas berrando na rua. É fácil: os EUA estão lá longe, não tem ninguém para baixar o sarrafo.

Acho que se a passeata fosse em prol da carteirinha de estudante a UNE estaria botando fogo em carros. Quem se assumiu como cara-pintada para ajudar a tirar o Collor deve estar sentindo um certo mal estar ao ver o ex-presidente defendendo o senador que ninguém derruba. Ou já se entregou de vez. Sim, eu sei, não foram os cara-pintadas que derrubaram Collor, mas na época o barulho foi bonito. Hoje, não derrubamos nem síndico.

Eu não sou nenhum Robespierre e mal sei usar um apito. Mas não consigo fingir que não há nada errado em um povo que só se infla em dia de futebol. 500 pessoas foram às ruas para protestar. E ninguém deu trela. O senador está tranqüilo. Deve estar comprando uma caixa de charutos.

Marcadores:

9 Comments:

Blogger Roberto said...

Eu participei tb, aqui em Belo Horizonte. Tb fiquei desapontado. A qtde de pessoas foi suficiente apenas para rodear o pirulito da Pç Sete. Muuuito pouco!!!

segunda-feira, agosto 17, 2009  
Anonymous Anônimo said...

Eu participei também, aqui em Belo Horizonte. Fiquei desapontado. A quantidade de pessoas foi suficiente apenas para rodear o pirulito da Pç Sete. Muuuito pouco!!!!

segunda-feira, agosto 17, 2009  
Anonymous Silvia said...

Tio Walter, agora voce sabe por que eu sai do Brasil. Vou voltar pra visitar os amigos, mas nao pretendo voltar pra ficar. E muito desgosto!

terça-feira, agosto 18, 2009  
Anonymous Clóvis said...

Eu não uso twiter e nem acesso muitos blogs. Nem fiquei sabendo da passeata. O movimento fica restrito a algumas pessoas. É ruim, deve ter muita gente querendo dar um pé na bunda do sarney.

terça-feira, agosto 18, 2009  
Anonymous Anônimo said...

Isso é como fazer passeata contra o PCC, não aparece ninguém, por medo ou por simples descaso.

terça-feira, agosto 18, 2009  
Blogger Rodrigo said...

Eu não fiquei sabendo, isso só comprova o quanto é inutil o tal do twitter!

terça-feira, agosto 18, 2009  
Blogger Menininha bossa-nova said...

Você não sabe quem eu sou, mas, enfim, você tá favoritado lá no meu blog. Tinha que te perguntar se você já viu a nova do Lula...

Coloquei aqui, ó:
http://derrubandoparedes.blogspot.com/2009/08/matando-o-lula.html

quarta-feira, agosto 19, 2009  
Blogger Walmor said...

Cara aproveita que ce gosta de aloprar o Caetano, o Gil e etc e pesquisa por aí que o Gil pediu incentivo pra lei Rouanet. Essa ce não vai poder perder.

terça-feira, agosto 25, 2009  
Blogger Ricardo Rayol said...

imagino quantos foram gritar fora bush

sexta-feira, setembro 04, 2009  

Postar um comentário

Link permanente para este post:

Criar um link

<< Home