quinta-feira, janeiro 14, 2010

2010 VAI SER UM BOM ANO?

Estamos na segunda semana de janeiro e eu ainda ouço pessoas me desejando um “feliz ano novo”. Claro, eu agradeço e repito o gesto. Mas não consigo deixar de perguntar: “O que é isso? Uma superstição, um cacoete ou um desejo realmente sincero?” Às vezes eu penso que não passa de cacoete mesmo, um tipo de costume que herdamos no processo evolutivo. Tipo tirar catota do nariz.

É uma mania bacana, óbvio. Mas meio desprovida de substância, convenhamos. Desejamos “feliz ano novo” em qualquer situação. Consigo imaginar poloneses dizendo “feliz ano novo” no início de 1939, pouco antes de Hitler entrar com tudo. E aposto que em 1940 eles ainda repetiram a coisa toda.

2010 vai ser um bom ano? Talvez, mas vamos lembrar: é ano de eleição e de copa do mundo, dois eventos que levam o ser humano ao limiar da decência e bom senso. Envolve milhões de pessoas vestindo camisetas iguais e berrando na rua. Não é uma imagem tão animadora assim.

Desejo um feliz ano novo a você, leitor, mas deixo algumas recomendações. Torça pelo Brasil na copa, mas tenha limites. Aquele bando de marmanjo de bermuda não merece tanto assim da sua atenção. Eles vão ganhar uma baba, mesmo que percam. E você ainda vai ter a prestação da TV nova para pagar.

E vote consciente, se isso for possível. Mas evite se animar com a coisa toda. Eleição é mais uma forma de deixar você com um orgulho besta, achando que “o país precisa de você”. Não precisa. Da sua grana, talvez. Mas na maioria dos casos ninguém dá a mínima para você. Por isso, sem essa de sair por aí agitando bandeira ou ficar discutindo com os amigos sobre quem deve votar em quem. Políticos não fazem nada sem que antes alguém ofereça uma grana. Logo, se é para pagar mico e apoiar alguém, que seja por grana. Se eles podem, porque você não?

Por isso, relaxe. Coma o que restou do Panetone e beba aquele espumante que ficou esquecido na geladeira. Você é apenas um mísero número em alguns grandes computadores e não há nada que você possa fazer a respeito. O ano vai ser bom ou ruim e isso não depende EM NADA de você. Pode deixar que alguém se encarrega de melar a coisa toda no teu lugar...

Marcadores:

9 Comments:

Anonymous Flavinha said...

Deu um tempo no veneno, Walter? Vc não vai falar dessa merda de bbb (243ª versão)? É cada um mais tosco!

quinta-feira, janeiro 14, 2010  
Anonymous wille said...

algo mais sem conteúdo que feliz ano novo é o feliz natal. um monte de gente que mal sabe quem foi Jesus deseja feliz natal pra pessoas, as quais podem nem seguir uma religião cristã.

Daí você tem que retribuir o feliz natal, mesmo que a data não tenha nenhuma importância no teu calendário...

sexta-feira, janeiro 15, 2010  
Blogger Rodrigo said...

Wille e quem disse que quero saber que diabos foi Jesus? Eu sou quero comer o pernil, ganhar presentes e beber todas. E Walter eu respondo o Feliz ano novo com um sorriso ou balançar de cabeça por que normalmente até sua sogra vem te abraçar e desejar feliz ano novo, e a pessoa tem que ter o sangue muito frio pra conseguir dizer isso para algumas pessoas.

sexta-feira, janeiro 15, 2010  
Anonymous Silvia said...

Pro Haiti nao ta sendo nao....mas pelo jeito pro consul brasileiro la, ta sendo um "feliz ano novo".

http://noticias.uol.com.br/ultnot/multi/2010/01/14/04021B3266D4990326.jhtm?consul-haitiano-afirma-que-o-africano-em-si-tem-maldicao-04021B3266D4990326

sexta-feira, janeiro 15, 2010  
Blogger Nicolas said...

Tem gente que chama de pessimismo, tem gente que chama de niilismo, eu prefiro chamar de realismo. Muito bons os ultimos textos, jaja vai sair prefácio de nova ediçao de Schopenhauer pelo tio Walter.
Abraço

sábado, janeiro 16, 2010  
Blogger PoPa said...

Cara, você demora a escrever, mas sempre é uma leitura ímpar (seja lá o que isso quer dizer!!!!)

quarta-feira, janeiro 20, 2010  
Blogger Joe_Brazuca said...

sem querer dar uma de "lambroso" ( que diabos que isso queira dizer...) :

PANIS ET CIRCUS

continua tudo a lesma lerda...

FELIX MMX proce tb, jornalista !

abs

quinta-feira, janeiro 21, 2010  
Anonymous Anônimo said...

hmm.. walter, eu gosto muito dos seus textos, mas eu percebo que eles invariavelmente levam as pessoas à criticar sem pensar -se é que isso seja possivel-, principalmente aqueles que leem o blog com frequencia.Ceticismo é bom, mas com uma boa dose de reflexão por trás, sem isso só serve pra nos deixar amargos e inúteis, por trás de nossas reclamações.
De qualquer jeito, eu nao vejo como isso pode ser um problema seu,esse é só um comentário expressando o que eu penso, talvez te interesse saber, talvez nao.
abraço!

segunda-feira, janeiro 25, 2010  
Blogger Walter Carrilho said...

Anônimo:Às vezes eu coloco algo para sugerir uma reflexão - nem sempre dá resultado. Mas muitas vezes quero só criar caos e confusão. Sou assim mesmo, um bocado boçal e incosequente...Não liga, não. abs

segunda-feira, janeiro 25, 2010  

Postar um comentário

Link permanente para este post:

Criar um link

<< Home