domingo, setembro 24, 2006

VAI UM POUCO DE TUMOR AÍ, DONA?

Batom e laquê fazem milagres na imagem de uma pessoa. Mas nada como uma doença. Vejam o caso da Eliana eu sonego mas sou chique”Tranchesi, a dona da Daslu. De acusada de sonegação e formação de quadrilha, ela tenta se transformar em “celebridade sensível” (pausa para lágrimas). Exibiu documentário sobre meninos do tráfico em sua loja e agora revela que está com câncer. A doença virou matéria da Istoé Gente.
Até aí, normal. Mas nesse domingo o tema foi parar na capa do jornal Folha de São Paulo (só para assinantes da Uol ou da Folha). Gilberto Dimenstein (vulgo senhor “Ai, como o Brasil é lindo!”) entrevistou a dona para ela contar o seu drama. Um pouco demais, Juquinha? É, eu também achei.

Ela diz que “caiu na realidade”(oh!). Que é "vítima" (duplo “oh”!). E que agora presta atenção nas pequenas coisas como a luz do sol e passarinhos bebendo água em seu jardim (Que tal prestar atenção em coisas um pouco menos simples, como “notas fiscais frias", hein dona???").

Eu me lembro de Ana Maria Braga no começo de sua carreira na Globo, patinando no Ibope. Aí teve câncer. A audiência explodiu. Então fica assim: câncer mata, mas é bacana. Levanta a moral de qualquer um. Doutor Eymael: não consegue sair do 1% nas pesquisas? Já pensou em descolar câncer de esôfago? Preta Gil, que tal um tumorzinho para animar as vendas? Vou ver se pego câncer na próstata. Aposto que a audiência do blog vai pipocar lá em cima. E quem sabe assim o ministério da fazenda não libera a minha restituição?

Só estou esperando a hora em que Eliana vai fundar uma ong. Talvez viaje para visitar as vítimas da guerra no Iraque. Ou dê sopa para mendigos. Algo do tipo. Força aí, Eliana! Essa sua estratégia é coisa de gênio de marketing. Tem Duda na parada?

15 Comments:

Anonymous Anônimo said...

DEIXA OS TUCANOS VOLTAR QUE A SRA. VAI PEGAR ATÉ DENGUE.

ESTE PETISTAS SÃO MUITO BURROS, TENTARAM DENUNCIAR O LADRÃO RICO E SE DERAM MAL.

ESPERAVAM QUE FICASSEMOS DO LADO DELES, ALGUNS POBRES ANALFABETOS QUE NEM CONHECER PARIS?

domingo, setembro 24, 2006  
Blogger Ane Brasil said...

Gostei cara! Cai de 4 pelo teu texto.
Agora a madame tá com câncer... que se dane mesmo!
Sonegadora, fundou uma loja que é um acinte a um país onde 42% estão na linha da pobreza... e agora quer posar de coitadinha?
Ah, vá se fuder!
E pro anônimo aí de cima: os tucanos não são lá muito melhores que os vermelinhos não... e compravam bastante na daslu...
Sorte e saúde pra todos - menos pra essa madame sonegadora.

domingo, setembro 24, 2006  
Anonymous abominnavel said...

Será que meu blog fica famoso se eu conseguir uma leucemia?

domingo, setembro 24, 2006  
Anonymous rattus said...

"ô coitada!" Vai pagar o tratamento com a grana que ela sonegou!

segunda-feira, setembro 25, 2006  
Blogger Clayton Cruz said...

Dimenstein chama isso de Jornalismo cidadão. Porque não fazer a mesma matéria com centenas de pessoas que enfrentam o mesmo problema e lotam os hospitais públicos mendigando tratamento?! Simples, as revistas iriam encalhar nas bancas. Doença só dá ibope se a vítima for algum rico ou famoso. [ ]

segunda-feira, setembro 25, 2006  
Blogger Ricardo Rayol said...

A Ane que tá certa. Não esqueçamos que a gerente da Daslu é (ou era) filha do Alckmin. E tomara que seja galopante para não dar tempo dela faturar em cima da desgraça.

segunda-feira, setembro 25, 2006  
Anonymous clovis said...

E eu tô aqui com gripe tomando limonada para ver se melhora. Ninguém vai me entrevistar?
Boa sacada.

segunda-feira, setembro 25, 2006  
Anonymous Fernando said...

Se morrer, dexa eu jogar a pá d cal?

Dexa vai poxa...por favor, nao seja chato!

hahahahaa

abraçao walter

terça-feira, setembro 26, 2006  
Blogger Roma Dewey said...

Mininu, curuiz, quero ser anoniminha da silva, sem siquiziras nem tumores... Quanto a perua, ela jah deu no saco, morro de antipatia, e, sinceramente, I dont give a shit... Becitos in tu!

terça-feira, setembro 26, 2006  
Blogger Jorge Sobesta said...

Walter,

Isso me lembra o Doi George (sátira ao Boy George) do Glauco. Ele fazia de tudo para ser flagrado com algum entorpecente pra vender seus discos, depois que o satirizado estourou de vender porque confessou (oh!) que era chegado numa heroína.
Quanto a Eliana ... tadinha.

Um abraço.

terça-feira, setembro 26, 2006  
Blogger Jorge Sobesta said...

Ahhhh! É no pulmão. Pensei que fosse na conciência.

Abç.

terça-feira, setembro 26, 2006  
Anonymous Vera said...

Ahahahahah Se câncer é MODA!! EU ESTOU FORA!!! rsrs

terça-feira, setembro 26, 2006  
Anonymous Elza do Blog do Beagle said...

Li e não gostei. Ela é sonegadora como todos sabemos, mas com doença não se brinca. Todos nós, os bons cidadãos estamos sujeitos a qualquer tumor, benígno ou não. O câncer, nela, não tem o condão de fazer subir as vendas da loja, da qual, a filha do Alkmin é vendedora. Vendedora por que é preparada e fala mais de um idioma além do Português e, já, lá trabalhava antes de o Pai tornar-se governador. Não defendo nenhum desses elementos que sequer conheço, mas gosto da verdade e dos pingos nos iiiiiii. Bjkª. Elza

terça-feira, setembro 26, 2006  
Blogger Walter Carrilho said...

Elza: tb acho que com doença não se brinca. E doença também não deveria virar estratégia para limpar a barra, não acha?

quarta-feira, setembro 27, 2006  
Anonymous Elza do Blog do Beagle said...

Não sei se ela está usando a doença como estratégia. Lembra-se daquela enorme fraudadora do INSS que foi pega e estava cumprindo pena? Ela foi colocada em liberdade por que estava com câncer. Não me lembro o nome dessa outra cafajeste. Essa Tranchesi não tem como limpar sua barra. As provas são muito grandes e fortes. O que pode acontecer, nesse Brasil de meu Deus é o Judiciário ser corrompido, como já foi tantas vezes. Ai, meu amigo .... salve-se quem puder. Muitas bjkªs. Gosto demais desse blog e voltarei para apurrinhar vc.

quarta-feira, setembro 27, 2006  

Postar um comentário

Link permanente para este post:

Criar um link

<< Home