sexta-feira, janeiro 30, 2009

SANDY PROFESSORA?

Muita gente reclama que as celebridades são fúteis e gastam o dinheiro com mansões, iates e carros importados. Mas não há nada mais fútil do que uma celebridade fazendo faculdade. Sandy é a nova da lista. Ela se formou em letras.

Não sei, talvez ela planeje largar a vida de cantora e viver feliz como professora, recebendo salário de merda e tomando pipoco de aluno drogado. Ou quem sabe o objetivo seja melhorar o nível de suas músicas com a ajuda de algumas leituras de Olavo Bilac. Pelo nível dos versos que ela canta, só mesmo lendo a biblioteca nacional inteira.

Quando você me pega nos braços
Eu me arrepio com teus abraços
Eu sou a gata, faço "miau"
Dizendo "Eu te amo" do meu jeito animal


Trecho de “A gata”. Sacaram uns toques de parnasianismo?

Ela bem que poderia convidar o irmãozinho para fazer o curso. Ele também não sabe o que quer da vida, se quer ser um novo Supla ou simplesmente um emo de segunda categoria. Ele poderia estudar dança, virar coreógrafo, uma merda dessas. Seria melhor do que formar uma banda com o nome de 9 mil anjos. Sandy, use a sua nova veia poética e ajude o seu maninho a batizar a banda com um nome decente, que tal?

Enfim, fazer uma faculdade, estudar e adquirir conhecimento em um país como o nosso, em que sabedoria costuma ser tratada como um defeito de caráter, é um sinal de imensa frivolidade. Pois é, eu achava mais legal quando as celebridades gastavam dinheiro com iates.

Marcadores:

18 Comments:

Anonymous Luciana RJ said...

Tio Walter, essa foi a grande oportunidade dela segurar um verdadeiro "canudo", né.

sexta-feira, janeiro 30, 2009  
Blogger Fabíola said...

Agora que o irmãozinho dela montou uma banda mea boca que provavelmente só vai dar rombo e não vai faturar nada,ela tem que achar um meio de ''sustentar'' a família,pelo menos ela é consciente e vê que um dia o dinheiro acaba.hahahahhaa
Quem sabe ela não passa num concurso do Estado e fica com dois contratos né?
Fessora Sandylis!
Só faltava essa...
\o/

sexta-feira, janeiro 30, 2009  
Blogger July Santiago said...

Pensa positivo!
Vai que ela tá planejando dar uma "virada na carreira" e se tornar um tipo mais explosivo que um mix de Amy Winehouse e Britney Spears em sua frase freak.
Nesse caso, um diploma viria bem a calhar, já que dá direio à cela especial.

sexta-feira, janeiro 30, 2009  
Anonymous FENIX said...

A crise, que começou financeira, transformou-se em econômica e, na ausência de governo, já está se transformando em crise social. A crise social é reflexo, à primeira vista, do maciço desemprego e na conseqüente queda de consumo e na inadimplência que acarretam menor produção e mais desemprego.

Insensível, o governo já projeta a mesma arrecadação de impostos verificada no ano passado, haja vista o impostômetro apresentar valor de 100 bilhões no mês de janeiro, o que projeta arrecadação de 1,1 trilhão de reais no ano. Um fio muito tênue, ao mesmo tempo em que separa, une a crise social à violência, principalmente nos grandes centros urbanos.

Os empregados, mais prudentes que o governo sindicalista, já abrem mão de salários integrais com a correspondente redução de jornada de trabalho, a fim de manter seus empregos. Mas, o governo perdulário, até agora não acenou com a redução de impostos e de gastos, como se vivesse num universo paralelo, imune aos problemas dos mortais que os sustentam.

Em breve teremos convulsão social e, sem forças armadas, uma possível guerra civil, de conseqüências castatróficas.

"LIBERTAS QUAE SERA TAMEN"

sexta-feira, janeiro 30, 2009  
Anonymous Z said...

"Em breve teremos convulsão social e, sem forças armadas, uma possível guerra civil, de conseqüências castatróficas."

Amiguinho, não se esqueça que estamos no Brasil...

sábado, janeiro 31, 2009  
Anonymous Hugo Serelo said...

What porra is this, Fenix? Eu também sou mineiro e até agora eu não vi ninguém falar de gurra, não. E como cruzeirense, o que me interessa mesmo é: Libertadores quae sera tamen!

É só maluco que vem nesse blog, Walter...

sábado, janeiro 31, 2009  
Blogger Brasil Empreende said...

Ola. Estou passando para convidar para conferir a postagem desta semana: Inovar: O grande X da questão. E Estamos participando do 1º Concurso BR-Infor-Blog, e gostaríamos de contar com o voto de vocês.
Sua visita será um grande prazer para nós.
Acesse: www.brasilempreende.blogspot.com
Atenciosamente,
Sebastião Santos.

domingo, fevereiro 01, 2009  
Anonymous Flavinha said...

Quero ver a Sandy explicar a reforma ortográfica, hahaha!

domingo, fevereiro 01, 2009  
Blogger lais said...

Bem, ela poderia morar em uma bela casa no "Xans Elizês", mas nao faz, porque nao quer.. ela nem precisaria ter a carreira dela, so com o dinheiro do "Xororo" ja dava pra fazer muita coisa.. Nao sou Sandy-fanatica, mas gosto dela e do irmao dela, acho eles uns fofis e espero que sejam felizes. Agora, criticar o estudo dos outros é dose! Ô gente azeda...

Gente com direiro e sem estudo é repugnante. Acho que ninguém deveria parar de aprender, mesmo que fosse bilionário. O povo vive criticando os jogadores de futebol que ganham 500, 600 mil euros por mês e que mal sabem escrever. Desculpem. É apenas meu ponto de vista e não quero ofender ninguém. Juro. Sandy parabéns, adiquirir conhecimento nunca é demais...

domingo, fevereiro 01, 2009  
Blogger Walter Carrilho said...

Laís: relaxa que é humor, né?

segunda-feira, fevereiro 02, 2009  
Anonymous Adam Smith said...

O Walter nada sobre o forum sexual amazonico?

segunda-feira, fevereiro 02, 2009  
Blogger Patrícia said...

Então, a doce menininha responde: "Profêssola!", ao que o papai retruca: "-Mas filhinha, você não gosta do que o papai faz?". A criança, sorridente no colo do homem que é provavelmente seu maior herói, faz que sim com a cabeça, e toda a família sorri. Em pouco tempo, ela é levada constantemente aos palcos para acompanhar o trabalho de seu amado herói, e é incentivada: "vem finhinha, sobe aqui com papai!", "canta esse pedaço filhinha , você sabe!". Quando pôde perceber, já estava metida em roupas de caipirinha, acompanhada de seu irmão mais novo e fazendo uma brincadeira que parecia muito com "teatrinho infantil". E as pessoas gostavam. Tempos depois, já adolescente, a menina bate o pé no chão enquanto grita. Seu pai já não é mais seu herói. Ela ainda o ama, mas não pode compreender como ele pode se opor a uma coisa tão simples: a faculdade de Letras. "Mas pai, já estou na idade!". "Ah filha, mas você está ganhando tanto dinheiro... As pessoas fazem faculdade para tentar ganhar dinheiro, e isso você já está fazendo, então pra quê faculdade?". "Mas pai... Eu não faço o que eu AMO!". "Filha!... Você não ama cantar?". "Ah, papai... Eu gosto, e é divertido, mas... Eu AMO literatura papai, minha vida são os livros, a letra, o idioma... E a mídia e os fãs, essa indústria toda, me sufoca sabe?". "Mas filha, e o seu irmão?" A adolescente pensa... E astuta, responde: "Bem papai, se a minha vida está garantida, a dele também está. Eu não posso carregá-lo como a um fardo, e realmente não há necessidade. Já ganhei milhões, ele também. Então já posso parar." A mãe, que ouvia tudo de outro cômodo, finalmente aproxima-se e diz, sábia como só as mães podem ser: "Não posso ver minha filha e meu marido discutirem assim. Meu amor, sei que você qur o melhor para nossos bebês. E por isso mesmo não podemos deixá-los frustrados! Imagine criá-los cercados de tudo que há de melhor no mundo e não dar a eles a oportunidade de serem o que quiserem!". Neste momento, o irmão, que acabara de chegar, ouve a mãe falar e pergunta o que está havendo. E finalmente revela: "É papai, maninha está certa. Eu gosto mais da carreira musical do que ela. Mas desse jeito que fazemos, não tá dando, sabe? Ela fica com todos os holofotes e eu sou sempre a sombra!". "Mas meu filho!" - responde o pai - "Que coisa absurda de se pensar! Projetamos vocês como Sandy $ Jr., a dupla de irmãos - não há briga entre irmãos, ou há? É claro que todos amam você também!". E Júnior, em lágrimas, responde: "Papai... Você sabe que em uma dupla, quem dá o agudo mais alto sempre se sobressai. E eu juro que tentei, mas a Sandy... É mulher papai, e eu nunca vou superar ISSO! Como poderei superar os agudos e o ar virginal de uma FRÍGIDA?" Então todos ficam chocados com o tom agressivo do caçula, e começam a questionar o porque daquela atitude. Jr. o filho varão, utiliza então aquele momento para revelar algo que seus pais nem desconfiavam. Sua irmã o perdoa, pois sabia que aquele insulto só podia ter vindo daquele grande desejo reprimido que só ela conhecia na família. Revelados os fatos, após o grande choque, o patriarca conclui: "Talvez... Seja mesmo melhor que se separem. Mas não vou permitir que arruinem o que têm em mãos. Vocês dois, vocês manterão este trabalho até a idade adulta. Até os 21 anos, talvez um pouco mais. Só então eu vou permitir que se separem, ouviram? Pois vocês ainda são adolescentes e não entendem nada da vida. Sigam sua carreira, e quando forem adultos, juro que terão autonomia para serem o que quiserem ser, inclusive para ser uma bich..." - A palavra ficou engasgada diante do olhar de sua esposa, que já o recriminava pela palavra que ele pretendia dizer. O pai, amargurado pela revelação inesperada, retira-se após sua sentença final. O destino da dupla musical estava traçado para sempre.

quarta-feira, fevereiro 04, 2009  
Blogger Cris said...

OI, Sir Walter ...

Te sofistiquei, viu, só??? Aquí , só pra mim: te convenceu esse jeito animal gata de ser ? Só se for os animais da parmalate...Tomou???

Beijus, beautiful.

quarta-feira, fevereiro 04, 2009  
Anonymous Anônimo said...

Piada pronta sobre a recém-formada em Letras:

"Sandy será jurada do Soletrando"
http://www1.folha.uol.com.br/folha/ilustrada/ult90u499239.shtml

quinta-feira, fevereiro 05, 2009  
Blogger Ana Cláudia said...

hahahahahahaha....
quanto veneno...
Melhor seria ela por aí com a cabeça raspada, andando bebada sem calcinha, enquanto seu irmão frequenta balada de swing...
sei não sei não

quinta-feira, fevereiro 05, 2009  
Blogger Blogildo said...

Billac? Acho que ela lê Bilau!

sexta-feira, fevereiro 27, 2009  
Anonymous Anônimo said...

nossa!! quanta ignorância, Sandy está de parabéns por crescer intelectualmente... fracos são os que levam a vida em criticar o que é bom!!! tanta coisa + importante p se levar em consideração, vão ficar se ocupando da vida de Sandy? aff...

domingo, maio 09, 2010  
Blogger Walter Carrilho said...

Anônimo: pois é.. tanta coisa para se levar em consideração, vão ficar escrevendo comentário defendendo a Sandy? Ir para a África salvar crianças vc não topa, né?

domingo, maio 09, 2010  

Postar um comentário

Link permanente para este post:

Criar um link

<< Home