sexta-feira, maio 04, 2012

QUER SER FAMOSO? AGUENTA A ONDA!

Tempos mongos estes em que vivemos, torcida brasileira. Chegará o momento em que até piada em porta de banheiro renderá processo e manifesto sociológico. Celebridades estão reclamando do tratamento que recebem da mídia. E estão sendo levados a sério. 

Wagner Moura escreveu reclamando do assédio do Pânico. E Luan Santana está processando um humorista por conta de uma paródia. São desdobramentos do caso Rafinha x Wanessa Camargo. Vai por mim, é só o começo.

O problema é que a patrulha do bom gosto e do “Brasil mais civilizado” está aplaudindo. Quer saber o que eu acho? Vão todos catar coquinho. É simples: quer ser famoso? Aguenta a onda. Não dá para ser famoso esperando que todo mundo passe talquinho no bumbum e beije o chão.

Reclamar de humoristas, processá-los e convocar a sacrossanta justiça para se defender de piada não é só um escândalo de mimimi. É cretinice. Já disse aqui algumas vezes: as celebridades brasileiras querem ser tratadas a bolinho de fubá. Até mesmo as revistas de fofocas tratam os caras com luva de veludo.

Em outros países, a imprensa marrom pega pesado e revela os podres. Aqui a imprensa marrom é, se muito, bege. Não que eu defenda esse trabalho babaca de ficar seguindo celebridade e viver de fuxico. Mas se é para pisar na jaca, que seja pra valer.

Não vejo Pânico. E, sim, acho que muitas vezes eles extrapolam. Sim, a piada do Rafinha é ofensiva. Ok, a paródia do Luan Santana é infame (não mais do que as próprias músicas do cantor). Mas daí a processar e prender a respiração até ficar azul é outra história. Esse povo precisa deixar de ser café com leite.

Nos EUA, humoristas como Leny Bruce, George Carlin e Louis C.K. sempre barbarizaram. Ninguém afundou o país "na barbárie". Tá tudo em paz e os humoristas tiram sarro de todo mundo. Ninguém precisa de babá. Todo mundo é adulto e vacinado. Sociedade desenvolvida tem que aguentar suas idiossincrasias humorísticas. Senão vira jardim da infância.

Prefiro o Chico Buarque, que descobriu que recebe críticas na Internet e riu da coisa. Celebridade é isso. O resto é peso pena. 

-Leiam esses dois posts falando sobre alguns desses casos. Um é do André Barcinski, comentando que as celebridades brasileiras se levam a sério demais. O outro é do André Forastieri, defendendo a ideia de “saiu na chuva é para se molhar”. Vale a pena ler.

Marcadores:

14 Comments:

Anonymous eu said...

O caso Rafinha Bastos só teve tanto barulho pq ele falou da "poderosa" Wanessa Camargo, se ele estivesse na rua e falasse aquilo pra um gravida desconhecida, ninguem teria dado a mínima pra piada, e agora Wagner Moura vem dar piti (nem parece que é mesmo que fez o capitão nascimento...) e o porcaria do luan santana agora quer causar "polemicazinha" pq ta perdendo fama para a outra porcaria que é o michel telo. É nisso que da ser famoso fabricado pela midia, quando começa a desaparecer só sabe voltar a midia assim, causando polemica, pq voltar por causa do talento não dá ne?

sexta-feira, maio 04, 2012  
Anonymous Anônimo said...

Pô, eu gosto do Wagner Moura, acho um puta ator. Até concordo com ele. Mas o Luan exagerou.

sábado, maio 05, 2012  
Blogger André Luiz said...

A Carolina Dieckmann não deve concordar com vc...

sábado, maio 05, 2012  
Anonymous Hyper said...

opa,aceita parceria?
http://www.hyperdownloads.org/
pr 2 mais de 7k
vlw

sábado, maio 05, 2012  
Anonymous Anônimo said...

Ta add!
Hyperdownloads.org

domingo, maio 06, 2012  
Blogger Walmoroso said...

Sejamos sinceros, tem uma diferença do humor do George Carlin/Dave Chapelle/Chris Rock/Louis CK baseado em meter o dedo na ferida pro humor do Rafinha Bastos que é baseado em só levantar polêmica ofendendendo diretamente pessoas. Não que eu defenda "joselitagens" como a do Rafinha Bastos - no caso dele eu realmente achei a piada da Vanessa Camargo de um bruto mal-gosto - Ultimamente essas celebridades estão realmente se levando muito a sério, agora pagam o preço por isso. Afinal, alguém tem de quebrar a imagem e mostrar que por trás dela não tem nenhum semi-deus ou coisa do tipo. Essas sub-celebridades e celebridades mongas alimentaram os trolls, agora que se fodam pra aguentar.

domingo, maio 06, 2012  
Blogger Walter Carrilho said...

Walmoroso: Sim, George Carlin e Cia estão anos luz a frente de Rafinha. Mas perder o medo de humoristas que incomodam é um processo. Sem topar um Rafinha, jamais estaríamos preparados para um Louis C. K.!

segunda-feira, maio 07, 2012  
Blogger Rodrigo said...

George Carlin no Brasil seria preso na primeira piada que fizesse sobre religião, isso pq antes tentariam linchar... se prepara Walter, daqui a pouco vc vai levar processo da Preta Gil e do Caetano Veloso. Cada dia fico mais orgulhoso do povo brasileiro, são pedaços de merda assumidos, religiosos, ignorantes, intolerantes. Só fica ofendido com piada quem não faz piada e esse tipo de gente sofre bastante...

segunda-feira, maio 07, 2012  
Blogger Rodrigo said...

Completando o comentário anterior, acho que o que fizeram com o Wagner Moura não foi piada, se vc encostou no cara perdeu a graça. Mas o mimi dele de reclamar de paparazzi eu não concordo, qual o problema de ser fotografado? Doi? Machuca? Vai fazer teatro então e some da televisão e do cinema, pq tem muito idiota que paga pra ver foto desses babacas em revistas...

segunda-feira, maio 07, 2012  
Anonymous Anônimo said...

Oi, Walter!
Tinha lido os textos do Barcinski e do Forastieri já há um tempinho,e seu texto (assim como os deles)é bacana por mostrar que tem gente que saca bem o lado panaca desse bando de "celebridade" bem bunda aqui de Bananópolis.
O povão é muito cretino pq paga pau pra esses babacas; e eles são muito idiotas pq não querem "suas vidas expostas".
Fala sério!!!
Débis Débis

segunda-feira, maio 07, 2012  
Anonymous Anônimo said...

e isso mesmo, e isso ai

sexta-feira, maio 11, 2012  
Anonymous Anônimo said...

perfeito seu comentário, não somos criancinhas, o grande problema de hoje, e que vem acontecendo aos pouquinhos, dileve,é a infantilização do povo brasileiro, tanto do humor que realmente perdeu a graça, porque convenhamos, nem o didi tem graça hoje em dia, tanto do povo que leva o humor de alguns pseudohumoristas a sério.

segunda-feira, maio 14, 2012  
Anonymous Fred Martins said...

Quer dignidade e privacidade? Não vira celebridade.

segunda-feira, junho 11, 2012  
Anonymous Bruna Brandao said...

Walter gostei muito do seu texto, e também acho que se tenho algum problema co celebridade, melhor processar do que fazer charminho!! Mais quanto a sua sugestão de conteúdo no final do post "O outro é do André Forastieri, defendendo a ideia de “saiu na chuva é para se molhar”. Vale a pena ler", desculpe a sinceridade mais achei aquele texto do tal André um lixo de 5ª categoria. Não sobre a parte Vagner X Pânico, mais sobre incluir bobagens sobre Bonfá e Dado, sobre o tributo, isso é um desrespeito ao trabalho dos caras. Esse tal André mostrou total ignorância quanto a carreira dos meninos e a finalidade desse show. Enfim, ele escreveu aquilo por pura falta do que falar.

quarta-feira, janeiro 23, 2013  

Postar um comentário

Link permanente para este post:

Criar um link

<< Home